funto-site-leo-escuro-3.png

seja nosso parceiro agora e ganhe um desconto especial!

  • Ivan Bezerra

Vendas online tendem a potencializar atividades turísticas no Brasil

Faz parte de nossa cultura a compra de diversos souvenires e produtos de todo tipo em nossos destinos de viagem preferidos para presentear, no retorno pra casa, aqueles que mais amamos.


É uma forma carinhosa tipicamente brasileira de demonstrar o quanto alguém é especial para nós e se mantém presente em nossas lembranças mesmo estando imersos em meio a todo o encanto dos lugares mais especiais.


Entre os presentinhos, sempre ficam reservados alguns para nós mesmos nos recordarmos das experiências únicas vividas em cada novo destino.


A venda de produtos típicos regionais representa parcela significativa para os ganhos da indústria do turismo nacional, que em 2019 movimentou R$ 270,8 bilhões.


Em 2020, considerando os impactos da pandemia de Covid-19, estima-se que as atividades de turismo no Brasil tenham sofrido redução na ordem de 38,9% em faturamento. Um estudo feito pela Fundação Getúlio Vargas - FGV Projetos indica que o Produto Interno Bruto (PIB) do setor cairá para R$ 165,5 bilhões, principalmente por causa das medidas de contenção da Covid-19.


A economia do setor de turismo brasileiro é fundamental para manter comunidades inteiras que vivem em todas as regiões do país. São trabalhadores do comércio local e de diversas outras áreas responsáveis por suprir esse mercado, como extrativistas, culinaristas, artesãos, funcionários de agroindústrias, produtores rurais, criadores e pescadores, dentre outros. Uma cadeia econômica que normalmente mantém vivas as tradições e a cultura do lugar e as características próprias de cada produto, o que o torna representante fiel do seu lugar de origem. Daí o poder de atração sobre os turistas.


Essas comunidades ficam vulneráveis às variações do mercado, seja por fatores de saúde, como é o caso da atual pandemia, ou por reflexos econômicos e sociais enfrentados pelo país, o que pode reduzir o fluxo turístico e comprometer a renda de milhões de famílias.


O comércio digital por meio da internet tende a reduzir esses impactos. Promover a venda online de produtos típicos de cada região é uma maneira de manter a força da atividade turística, ainda que à distância e em tempos de dificuldade de fluxo local de turistas.

A importância de manter vivas e atuantes cadeias produtivas inteiras de profissionais que mantém o encanto dos destinos turísticos mais desejados do Brasil está em valorizar cada cantinho e o povo desse país maravilhoso.
Esse é o papel da GiOrigin, tornar acessíveis por meio da internet produtos que representem lugares incríveis mas que, muitas vezes, parecem inacessíveis, seja pela distância, pelo custo da viagem ou por algum impedimento inevitável, como o cuidado com a saúde no caso da atual pandemia.

Possui algum produto que se encaixa nas características apresentadas neste texto? Conheça nosso Marketplace e faça parte!

29 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo